Casamento: Presente dos padrinhos vai além do valor financeiro


O O convite para testemunhar a união de um casal querido como padrinho ou madrinha é um privilégio, embora não seja uma tarefa barata – sobretudo, considerando o presente. Há quem siga a tradição de contribuir com itens de valor mais elevado, mas Mari Dedivitis, assessora de casamento e parceira do iCasei (www.icasei.com.br), esclarece que a presença, participação e apoio nos preparativos do grande dia são mais importantes, e diz o que levar em consideração na hora de programar os gastos e as opções de mimos.
Os noivos se preocupam com inúmeros detalhes para fazer com que o casamento seja especial para todos, e, nesse período, a ajuda dos padrinhos é valiosa, tanto para escolher fornecedores e organizar eventos como chá bar ou a viagem de despedida de solteiro, como acompanhar nas provas de vestido e até mesmo ser um ombro amigo nos momentos de nervosismo. “Fala-se muito sobre dinheiro, mas a amizade e o tempo investido nesses preparativos carregam um grande valor sentimental”, diz Mari.
Há de se levar em consideração, também, os gastos com o look e o dia no salão de beleza, já que os amigos têm que estar à altura da elegância dos noivos. A assessora sinaliza que exigências como a mesma cor de vestido para as madrinhas ou que todas se arrumem junto à noiva são fatores limitantes e podem influenciar no valor da contribuição. “Se realmente o desejo é fazer dessa forma, melhor que seja dado e não imposto”, aconselha.
Tudo depende das possibilidades de cada um. Nada impede que seja feita uma generosa oferta para o casal, mas é importante respeitar as limitações financeiras e ter claro que não é uma obrigação. “A tecnologia tornou-se uma grande aliada. Hoje em dia é possível acessar a lista de presentes virtual e analisar – sem constrangimentos – o que é acessível ao orçamento, seja uma geladeira ou um jogo de copos. E para os noivos também é vantajoso, porque facilita a compra ou o resgate dos valores”, conta Mari. Mais do que o poder aquisitivo, essas pessoas são escolhidas a dedo pelo carinho e proximidade.
Outra sugestão é que todos se reúnam para fazer uma surpresa ao custear metade da lua de mel, comprar um item personalizado para o novo lar ou montar uma força-tarefa para criar alguns dos itens da festa. Essas atividades são maneiras criativas de presentear e também oportunidades para o grupo estreitar os laços.
Nesse momento tão especial na vida do casal, é primordial que acima de um mimo valoroso, os envolvidos tenham o pensamento de união e comprometimento com a celebração para a qual foram convidados como testemunhas.

tabuna: homenagem a Zelia Lessa no Dia da Mulher


O Colégio Ação Fraternal de Itabuna comemorou o Dia Internacional da Mulher com o espetáculo “Zelia Lessa – A música em uma vida”. A apresentação, coordenada pela professora Efigênia Oliveira (autora de uma biografia da musicista), teve  artes e textos. Sempre querida, a maestrina é um dos símbolos  da mulher itabunense.

Toda a renda do evento, que aconteceu nesta sexta-feira, dia 8 de março, a partir das 9 horas, foi  revertida ao Abrigo Bezerra de Menezes e Abrigo Dr. Balduino Azevedo.

Cursos em promoção em escola profissionalizante de Ilhéus


O Instituto Mix de Profissões, franquia de Ilhéus, está com desconto de 50 por cento em todos os cursos. A promoção vai até o fechamento de turmas.  Não perca a oportunidade de transformar seu sonho em realidade!

Entre os mais de 70 cursos que o Mix oferece, estão: gastronomia, confeitaria, padeiro, maquiagem, manicure e pedicure; designer de sobrancelha, cabeleireiro, barbeiro, massagem profissional, auxiliar de veterinário e pet shop; instalação e manutenção de ar-condicionado.

Endereço do Mix em Ilhéus: Av. 2 de Julho, próximo ao Bataclan. Contatos: 3231.3894 ZAP 99128.7156/98800.3897.

FICC promove mais uma edição do espetáculo a “Paixão de Cristo”


O espetáculo teatral a “Paixão de Cristo”, um dos eventos religiosos promovidos pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), já tem data marcada para acontecer. Com previsão para o dia 19 de abril, a encenação que revive a vida e morte de Jesus Cristo, conta com a coordenação do diretor de Turismo e produtor cultural, Ari Rodrigues, e direção geral, Marquinhos Nô.

Uma reunião entre a coordenação do espetáculo e elenco, realizada na última segunda-feira (11), no Teatro Zélia Lessa, teve como objetivo debater diversos assuntos em torno do evento, que este ano, terá algumas mudanças, segundo o presidente da FICC, Daniel Leão. Ele revelou que “por conta da interdição do Estádio Luiz Viana Filho”, o espetáculo foi transferido para a praça Camacan, centro de Itabuna.

O atual diretor de Turismo da FICC, Ari Rodrigues, ressaltou que a montagem promete trazer diversas novidades. “Toda encenação acontecerá no centro da praça Camacan, entretanto, teremos uma novidade, que ainda não podemos contar”, informou, enfatizando que será um grandioso evento e que o público se surpreenderá.

Diretor geral do espetáculo, Marquinhos Nô, avaliou o empenho e a entrega artística dos participantes como ponto positivo para o sucesso contínuo do evento. Nô observou, também, “que apesar da história já ser conhecida do público, a cada edição é preciso inovar.”

Cerca de 70 atores participarão da encenação, dentre eles, profissionais de Itabuna, Itapé, Itajuípe, Buerarema, Camacan, além dos alunos do curso de teatro da instituição. A cenografia do espetáculo está sob a responsabilidade do artista plástico, Diovani Tavares; produção executiva e assistência de direção, Eva Lima; texto e figurino, Marquinhos Nô.

 

Itabuna: OAB inaugura sala na Delegacia de Atendimento à Mulher


A OAB Subseção de Itabuna inova e cria a primeira sala da OAB em uma delegacia especializada no atendimento à mulher – DEAM – no país. Através da iniciativa da presidente da Comissão da Mulher da OAB, Dra. Andréa Peixoto, a Subseção de Itabuna ganha notoriedade e projeção pelo ineditismo na defesa da mulher.

A sala da OAB Dra. Graça Torres foi inaugurada nesta quarta, 13, na DEAM de Itabuna e contou com grande participação de autoridades do judiciário, do legislativo, da Ronda Maria da Penha, dos clubes de serviços, da sociedade em geral e da advocacia sul baiana.

O cerimonial da solenidade foi comandado pela Dra. Thailane Gabriel, que emocionou a todos quando relatou sua experiência profissional no escritório da homenageada Dra. Graça Torres, com quem trabalhou por anos e externou sua admiração aos familiares da homenageada presentes ao evento.

A Dra. Andréa Peixoto falou em nome de todos os membros da comissão a qual preside e fez agradecimentos emocionados a todos os presentes e em especial a parceria estabelecida com as delegadas daquela unidade. A delegada Dra. Ivete Albano falou em nome da Polícia Civil e das colegas da DEAM, disse de sua alegria em realizar essa parceria com a OAB e poder dar mais garantias e reforço humano no atendimento daquelas que procuram a instituição.

O presidente da Subseção da OAB, Dr. Edmilton Carneiro, fez uma leitura emocionada da importância da mulher na vida dos homens e do desejo de poder de alguma forma conter a violência que assola nossa sociedade e em especial a violência contra as mulheres: “É inadmissível em pleno século XXI assistirmos essa onda de violência com números tão estarrecedores como esses que nos são apresentados diariamente. Nosso papel enquanto instituição é participar ativamente na luta contra toda e qualquer supressão de direitos e liberdade do cidadão. E hoje estamos avançando muito nessa direção com esta sala e, por ser a primeira do Brasil, irá, certamente, multiplicar esse apoio tão necessário pelo país afora… parabéns mulheres guerreiras que se unem na defesa de seus direitos e lutam por uma sociedade melhor e mais justa”. Finalizou o presidente da OAB Subseção de Itabuna, Dr. Edmilton Carneiro.

Inaugurações e projetos de cultura e lazer marcam Dia da Cidade em Ilhéus


Às vésperas das comemorações alusivas aos 484 anos de fundação e 137 anos de elevação à categoria de cidade a serem completados no dia 28 de junho (quinta-feira), Ilhéus será palco de uma série de inaugurações, ordens de serviço, e claro, muita cultura e lazer com o “Viva Ilhéus Fest”, que vai reunir diversas atrações para todos os estilos, na Avenida Dois de Julho, centro da cidade. No próximo dia 15 o prefeito entrega à população o Anexo da Escola Pinóquio totalmente reformado e, no final do mês, a Escola Sérgio Carneiro, em Olivença. As solenidades de inauguração serão prestigiadas por autoridades, convidados e imprensa.

No último dia 8, o município iniciou os festejos de aniversário com a inauguração da reforma da Escola Municipal Odete Salma Medauar, no Malhado. Todas estas ações estão sendo realizadas com recursos próprios da Prefeitura. “Nesta passagem tão importante dos 484 anos, a Administração Municipal tem o prazer de entregar várias benfeitorias para a população. Desta forma, nós mostramos que estamos fazendo a nossa parte, buscando recursos e alternativas para investimento no bem-estar do povo de Ilhéus”, comentou o prefeito.

Mário Alexandre assina ainda este mês, Ordem de Serviço para recuperação total de mais 11 unidades escolares. No bojo das atividades, serão inaugurados no próximo dia 26, as Unidades de Saúde Básica (UBS) dos bairros Hernani Sá e Basílio. No dia seguinte, 27, é a vez do Centro de Saúde Dr. Euler Ázaro, no bairro Teotônio Vilela. Já no dia 28, será inaugurado o primeiro Pronto Atendimento Municipal Halil Medauar, no bairro da Conquista que vai ofertar serviços especializados e atendimento 24 horas com ambulância.

Viva Ilhéus Fest – O evento terá uma extensa grade de programação musical. No dia 27, em cena Adelmário Coelho, Danniel Vieira, Mel de Forró e Realce. No dia do aniversário de São Jorge dos Ilhéus, 28, é a vez de Felipe Araújo, Estakazero, Papazoni, Top Gan e Leonardo Leo. No dia de São Pedro, 29, o arrasta-pé fica por conta de Filomena Bagaceira, Forrozão, Trio da Huanna e Stampa do Forró. No dia 30, último dia do Viva Ilhéus Fest, tem Forró dos Plays, Kart Love, Via de Acesso e Pagofunk.

 

Ilhéus abre inscrição para o Concurso Literário Crônicas de Gabriela


A Prefeitura de Ilhéus, através da secretaria municipal da Cultura (Secult) abriu nesta sexta-feira (1º), inscrição para o Concurso Literário Crônicas de Gabriela, em comemoração aos 60 anos do lançamento do livro “Gabriela, Cravo e Canela”, do escritor Jorge Amado. Um dos objetivos é incentivar a produção literária de crônicas, estimular a leitura da obra de Jorge Amado a partir do romance ‘Gabriela, cravo e canela’ e fomentar a escrita, a leitura, o livro e a literatura. A inscrição é gratuita e deve ser enviada exclusivamente para o email: [email protected] contendo arquivos em PDF, até o dia 15 de julho deste ano. O tema central é “Gabriela, cravo e canela, 60 anos do romance”.

De acordo com o regulamento, a ficha de inscrição será preenchida e assinada, anexadas cópias do RG, ou outro documento oficial com foto. O ato da inscrição no concurso implica na plena aceitação por parte dos inscritos das normas estabelecidas no edital, bem como a cessão, por tempo indeterminado, sem ônus dos direitos autorais dos trabalhos inscritos, para eventual publicação em quaisquer meios de comunicação, impresso ou eletrônico.

Podem participar maiores de 18 anos que devem atentar para a temática do concurso que foi pensada em homenagem aos 60 anos de publicação do romance ‘Gabriela, Cravo e Canela’, do escritor Jorge Amado, que possibilita a reflexão sobre o papel da mulher na sociedade. As crônicas devem ser obrigatoriamente inéditas e escritas em língua portuguesa. Ficam automaticamente desclassificadas as já publicadas de forma impressa ou virtual, no todo ou em qualquer parte, ou divulgadas por qualquer meio de comunicação.

O regulamento prevê que é vedada a participação de funcionários da Secretaria da Cultura de Ilhéus, de membros da Academia de Letras de Ilhéus, da livraria Papirus e da comissão julgadora, além de parentes, cônjuges ou companheiros estáveis em primeiro grau e colateral destes. “Entende-se por crônica um texto curto sobre acontecimentos do cotidiano, narrado em primeira ou terceira pessoa do singular. Serão classificados os trabalhos que alcançar uma pontuação média igual ou maior que 25 pontos”.

A crônica deve ser digitada, gravada em arquivo com extensão PDF. As páginas deverão ter o formato A-4, layout retrato, com fonte “Times New Roman”, três centímetros. O seu título deve constar na parte superior da página inicial, digitado em negrito, em fonte “Times New Roman”, tamanho 14, alinhamento centralizado. A crônica não pode ter ilustrações e sua extensão dever ter no mínimo uma página e no máximo três páginas. A crônica que estiver de acordo com o edital será divulgada no site www.ilheus.ba.gov.br/portais/cultura.

Seleção – As crônicas serão analisadas e selecionadas por comissão julgadora composta por cinco membros de evidente conhecimento no campo literário ou jornalístico, que procederá a seleção de três crônicas e classificarão em ordem decrescente de pontos. Já o resultado do processo de seleção será divulgado no dia 27 de julho deste ano, no Diário Oficial município e no site www.ilheus.ba.gov.br/portais/cultura.  A premiação das três crônicas selecionadas será divulgada e publicada também no site da Secretaria da Cultura e em redes sociais.

Premiação – A solenidade de entrega dos prêmios está prevista para o dia 10 de agosto, com horário e local a serem definidos. As três crônicas receberão um kit de livros da obra do escritor Jorge Amado, incluindo o romance “Gabriela, cravo e canela”. O primeiro lugar receberá um smartphone. Todos os participantes receberão certificado de participação fornecido pela secretaria municipal da Cultura.

Espetáculo de dança ‘’Em Ponta de Faca’’ retorna aos palcos em três cidades do interior baiano


Reforma Cia de Dança promove, no mês de junho, apresentações gratuitas do espetáculo “Em Ponta de Faca” em três cidades do interior baiano: Valença (09), Jequié (10) e Juazeiro (12). Todas as sessões acontecerão em espaços culturais administrados pela SecultBA nos municípios. Além das apresentações, serão realizadas oficinas de dança contemporânea, também gratuitas, antecedendo os espetáculos. Intitulada “Corpo Energético”, a oficina será ministrada pelo diretor da Cia, Guego Anunciação.

A obra, que teve sua estréia em 2016, sendo agora remontada, proporcionou um intercâmbio potente entre as experiências dos intérpretes novos e anteriores para a produção recente. O projeto tem apoio financeiro do Governo da Bahia, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

Fundada no final de 2011 por Guego, a Reforma é uma companhia de dança residente ao Centro Cultural Plataforma, que trabalha a investigação corporal aliada à técnica clássica e moderna. “Movimentos tratados como condição da comunicação do mundo, com o outro. Movimento entendido como informação acionadora da troca entre corpo e ambiente, como o que faz dele corpo mídia [Katz e Greiner] daquilo que o constitui.”

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), e localizados em diversos Territórios de Identidade. Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro de Cultura de Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse: www.espacosculturais.wordpress.com.

 Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamenteculturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais. Para mais informações, acesse: www.cultura.ba.gov.br

 

TENDA TEATRO POPULAR DE ILHÉUS LANÇA PROGRAMAÇÃO DE JUNHO


            O grupo Teatro Popular de Ilhéus lançou, segunda-feira (04/06), no site e redes sociais, a programação da Tenda TPI para o mês de junho.

            No sábado anterior ao dia dos namorados (09/06) tem a alegria do Clube dos Palhaços. Os atores Gilberto Moraes, Vânia Nogueira e Driely Alves se reúnem para animar crianças e adultos com números clássicos da palhaçaria universal, além de reprises montadas especialmente para o espetáculo. Uma boa alternativa para um programa com a família toda.

            No dia 13/06 (quarta-feira) acontece a oficina “O ator inventivo”, com o grupo De Pernas pro Ar, do Rio Grande do Sul. A atividade, das 18h às 22h, faz parte da programação do projeto “Automákina – Universo Deslizante”, do grupo gaúcho. Além da oficina, também na Tenda TPI, ocorre um intercâmbio com o Teatro Popular de Ilhéus na quinta-feira (14/06), das 19h30 às 21h30.

            A apresentação do espetáculo AutoMákina – Universo Deslizante, que apresenta o virtuosismo das técnicas circenses e a poética do teatro de rua, através do simbolismo do teatro de bonecos, numa metáfora à existência humana, acontece no dia 15 de junho (sexta-feira), às 19h, na Praça Dom Eduardo.

            Este mês também marca o início do projeto Outras Leituras. Até o mês de agosto alguns espetáculos que marcaram a trajetória do Teatro Popular de Ilhéus serão rememorados por outros grupos da região. São parceiros que toparam dedicar um pouco do seu tempo para ler, reler e apresentar uma leitura dramática na programação da Tenda.

Para iniciar o projeto, no dia 19/06 (terça-feira), às 19h, o grupo convidado foi o Coletivo Saladistar. Reunindo diretores, atores, músicos, escritores e criadores visuais especializados em arte-educação e criações multiplataforma, a trupe será responsável pela leitura da peça O Inspetor Geral – sai o prefeito entra o vice. O texto de Romualdo Lisboa foi lançado em maio de 2011 em São Paulo A montagem recebeu indicação ao Prêmio Shell de São Paulo e ficou em cartaz até 2014.

No dia 26 de junho o projeto Outras Leituras retorna, também às 19h, dessa vez com o Grupo Vozes, de Itabuna. A leitura da peça Pega Pa Capá irá relembrar o espetáculo dirigido por Romualdo Lisboa que ficou mais de oito anos em cartaz desde 2003.

Serão duas leituras, já que o espetáculo era formado por dois textos diferentes, ambos baseados na Literatura de Cordel. O primeiro, O homem que pintou a parede e a Mulher chupou, de Franklin Costa, e o segundo, de Équio Reis, O Fiscal e a Fateira – ou dia de festa na feira.

Destaque também para a Mostra Cênica de encerramento das oficinas do Teatro Popular de Ilhéus. A Turma 1, formada por crianças e dirigida por Tânia Barbosa, apresenta no dia 21/06 (quinta-feira), às 18h, o espetáculo Maria Bonita e Maria Mole, texto de Franklin Costa. Na sexta-feira (22/06), às 19h, é a vez da Turma 2 apresentar a montagem Ilha dos Réus – o novo Quadro, texto e direção de Pedro Albuquerque.

            O Teatro Popular de Ilhéus é uma instituição cultural mantida pelo programa de Ações Continuadas de Instituições Culturais – uma iniciativa da Secretaria de Cultura da Bahia com recursos do Fundo de Cultura do Estado da Bahia.

      Mais informações e detalhes de preços e espetáculos em cartaz no site: www.teatropopulardeilheus.com.br.