Ilhéus programa queima de fogos na Praia do Cristo


Ilhéus vai dar as boas-vindas a 2024 com uma grande queima de fogos. A Prefeitura realizará o show pirotécnico na Praia do Cristo, a partir da meia-noite do primeiro dia do ano novo, iluminando toda a Baía do Pontal, a Ponte Jorge Amado e os arredores.

O município despontou como um dos destinos mais procurados pelos turistas brasileiros, de acordo com sites de viagens. Além disso, a cidade registra 100% de taxa de ocupação da rede hoteleira. Beleza, grandiosidade e alegria. Tudo para refletir a felicidade dos ilheenses e de todos que chegam à Terra do Cacau para curtir a alta estação no maior litoral da Bahia.

Contagem regressiva para os 100 anos de Oduque; conheça a rotina dele


Por Celina Santos 

Ele é personagem real de verdadeiras lendas desde que foi prefeito de Itabuna e teria despertado a esperança de fazer a praia chegar até aqui; sempre atiçou comentários ao desfilar pelas ruas em um Del Rey da década de 80/90 – veículo, digamos, um tanto cansado.

Aqui damos umas pistas rasas e o leitor logo chega ao nome de José Oduque Teixeira, figura bastante presente no imaginário da cidade. Desta quinta-feira (18) a exatos cinco meses, ele completará 100 anos! Como está a rotina do famoso empresário e ex-gestor depois de vencer, meses atrás, um princípio de infarto?

Oduque ficou internado por, aproximadamente, duas semanas no Hospital Calixto Midlej Filho. Desde então, fica todo o tempo em casa, no bairro Góes Calmon, com a esposa Almenaide, de 93 anos, e o auxílio de empregadas domésticas. O relacionamento do casal, que tem duas filhas e um filho, começou quando a então menina tinha 14 anos.

Apetite, vaidade e cidadania

A residência recebe a visita de profissionais de saúde, que atestam: o coração dele vai muito bem, obrigado! Vaidoso, recorre a uma funcionária para lhe pintar os cabelos, cujos fios brancos nunca deixou aparecer. Aliás, sempre foi assim, não é? A imagem do paletó bege e das madeixas impecavelmente tingidas é ícone sempre lembrado.

Um hábito crucial quando se fala em saúde é comer direitinho, hein? Pois então! No café da manhã, Oduque segue com um desjejum mais farto. Apetite não lhe falta. No almoço, a comida é pastosa, para facilitar a digestão. Tudo sob orientação médica.

Atento, assiste aos telejornais, para saber o que acontece no mundo. Afinal, o bate-papo presencial, através de visitas, não é permitido. Como acabamos de passar por uma pandemia, havemos de aceitar que “todo cuidado é pouco” (permitam-me o clichê).

Então, é o mesmo cidadão, lúcido, que busca acompanhar o que acontece ao seu redor. O apreço pela democracia sempre foi nítido nesse rapaz, inclusive na disposição para ir votar.

Apesar de não ser mais obrigado a ir às urnas após 70 anos, ele foi fotografado na cabine eleitoral, no pleito de 2022. Exemplar, estava a postos para escolher representantes à Presidência, Senado, Câmara dos Deputados, Assembleia Legislativa e governo estadual.

Fica entre nós, ok?

O Diário Bahia foi em busca das informações acima compartilhadas, mas nos reservamos ao direito de preservar a identidade das fontes ouvidas. Como nossa sede foi vizinha ao escritório de Oduque na avenida do Cinquentenário, tivemos a oportunidade de conviver e entrevistá-lo mais de uma vez.

Por ora, fica a torcida para poder felicitá-lo no aniversário de um século de vida. Enquanto isso, o leitor pode relembrar a conversa que tivemos em 2013, pouco depois dos 90 anos do sergipano mais do que itabunense. Nessa conversa, procuramos saber sobre a fama de ser contido nos gastos.

Com a missão de tirar uma curiosidade geral, indagamos:  Apesar de ser um homem de posses, o senhor tem um carro simples e parece ter hábitos também simples. Com o quê gasta dinheiro? Ao que nosso ex-vizinho respondeu, com serenidade: “Olha, eu tenho como fundamento na minha vida olhar o meu semelhante, sobretudo, os meus familiares. Sou filho de uma família pobre. Meu pai casou-se com minha mãe e tiveram sete, oito filhos que foram, naturalmente, criados sem nenhuma instrução. Eu fui mais feliz, porque minha tia me trouxe aqui para o sul quando eu tinha 16 anos e procurei a estrada mais capaz de prosseguir”.

E continuou explicando como lida com o aspecto financeiro, tão caro (parece até trocadilho) à maioria das pessoas. “… não tenho condições de alimentar a vida financeira de ninguém, nem olho esse aspecto. Devido à minha simplicidade familiar, não sou homem de ter helicóptero, ter avião próprio, ter automóvel de luxo. Eu tenho um automóvel tirado aqui na antiga firma Oduque Veículos, que eu uso, é muito bom e me serve; tenho também duas caminhonetes para transporte de pequenos materiais de construção. O meu ‘Del Rey’, ou seja, o meu ‘lata-velha’ resolve bem os meus trabalhos. E eu não tenho nenhum desejo, nenhuma vontade de ter coisas de luxo”.

Para quem deseja (re)ler a entrevista aqui mencionada, basta clicar aqui.

Como montar looks com cores vibrantes sem exagerar


A montagem do look não depende apenas das peças, os acessórios são importantes e a escolha das cores também é fundamental. Há quem tenha medo de usar tons vibrantes e quem se sente desconfortável em usar os mais escuros. A consultora de moda Camila Cavalcante, fundadora da Escola de Moda Cá Cavalcante, explica sobre esse universo colorido das peças.

Segundo Camila, tudo começa ao descobrir nossa própria paleta de cores. A consultora conta que ao identificar as combinações, nós abrimos um leque de opções para valorizar a beleza natural e deixar a pele com um aspecto jovem, saudável, iluminado e uniforme.

E será que após essa descoberta nós podemos usar tons que não estão em nossa paleta? Camila diz que sim. “Ao descobrir a cartela, a intenção não é deixar de usar completamente essas cores que não fazem parte dessa seleção, mas sim, ter a consciência de quais são, e passar a usá-las de forma mais estratégica, fazendo o uso da maquiagem com as tonalidades da sua cartela, para amenizar os possíveis efeitos negativos que uma cor que esteja de fora pode causar”, explica.

Já sobre os tons vibrantes, a consultora de moda dá dicas de como combinar sem passar dos limites. “Podemos usar o círculo cromático para combinar cor com cor de forma harmônica no look, aproveitando que o color blocking e as cores mais vibrantes vão estar super em alta nessas coleções de primavera/verão.  Fazer composições de harmonias monocromáticas, usando um look completo com peças da mesma tonalidade, pode ser uma excelente opção, pois a harmonia monocromática além de alongar a silhueta tem uma mensagem forte de elegância”.

Camila revela que combinar cores análogas também é uma ótima opção. Essa combinação consiste em usar tons vizinhos do círculo cromático, como o vermelho com pink, verde com azul, laranja com amarelo e lilás com azul.

Se você tem uma cartela neutra, Camila desmistifica algumas questões sobre o tema.

Existe uma cartela completamente neutra? É possível usar cores fora da minha cartela?

“Na verdade, não existe uma cartela totalmente neutra, as cartelas estão sempre associadas a uma temperatura de subtom quente ou frio. Quando dizemos que uma cartela é neutra, isso significa que a temperatura não é a principal características daquela cor, e sim a profundidade ou a intensidade, mas mesmo a cartela neutra fria ou neutra quente, possui cores específicas que vai valorizar mais a sua beleza”, explica.

Além de valorizar a beleza natural, Camila Cavalcante explica que a cor é um dos elementos mais importantes na nossa comunicação verbal e que ao serem captadas pelo nosso sistema visual, são transformadas dentro do nosso cérebro em sensações, sendo capazes de atrair, repelir, conectar ou intimidar as pessoas que nos cercam.

A consultora de moda reforça dizendo que aprender a usar os tons em nosso favor é uma estratégia para expressar o que queremos comunicar visualmente.

Falando em expressão Camila dá dicas de como montar um look com cores vivas, sem “extrapolar”.  “O verão está chegando e as tonalidades vibrantes estarão em alta. Quem deseja um visual cheio de personalidade com o uso de tons vibrantes, porém com alguma discrição e elegância, é importante evitar de combinar esses tons mais vivos com o branco puro e preto puro, pois ao invés de neutralizar e acalmar os tons cheios de vida, eles têm o poder de destacar e dar ainda mais vida a eles. Já para quem não é adepta de combinações tão vibrantes, vale sempre apostar nos tons neutros que tem o poder de neutralizar e acalmar essas cores como: areia, cinza, caramelo, rose, azul jeans e azul marinho, são excelentes neutros”, finaliza a especialista.

CDL diz que decoração de Natal foi decisiva para aquecimento nas vendas do comércio de Itabuna


Carlos Leahy, da CDL, e Aldo Rebouças, da FICC – Foto Ascom

Dirigentes da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) voltaram a comemorar o sucesso nas vendas do comércio de Itabuna, entre os meses de novembro e dezembro de 2022. Segundo balanço divulgado esta semana, o aumento no volume de vendas e na prestação de serviços girou em torno de 19,2% em relação a igual período do ano passado.

A pesquisa foi realizada em segmentos como o de calçados, vestuários, alimentação, eletroeletrônicos, material de construção e serviços diversos, segundo o presidente da CDL, Carlos Leahy, que apresentou os resultados ao presidente da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), Aldo Rebouças.

Ele acrescentou que o bom resultado se deveu às datas comemorativas, a exemplo da Black Friday, o Réveillon e, em especial, a decoração natalina elaborada pela Prefeitura, por meio da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC).

“Vale ressaltar que a decoração na área central da cidade foi essencial para o aquecimento nas vendas no comércio, pois a Magia do Natal, além de ter fomentado o turismo, proporcionou aos moradores de Itabuna e da região, se deslocarem para nossa cidade a fim de realizarem suas compras de fim de ano”, diz o relatório da pesquisa.

O dirigente da CDL reforçou que os comerciantes têm motivos para elogiar a iniciativa da Prefeitura por estimular e abrilhantar a promoção do comércio local. Ele afirmou ainda que foi notório o valor das comemorações, pois conseguiu transformar Itabuna numa atração turística e ponto de visitação de consumidores de diversos pontos do estado, atraídos também pela promoção realizada anualmente pelos associados da CDL.

Para o prefeito Augusto Castro (PSD), o Natal de Luzes e Sonhos é um dos eventos criados na sua gestão mais alegres e iluminado, que está incluído no Calendário Promocional da cidade. Além disso, é compromisso do seu Programa de Governo.

Mas ele destacou que o brilho da festa não se resumiu apenas nos pisca-piscas  espalhados por várias partes da cidade. “O que mais contribuiu para a cidade se encher de luz, foi a alegria das pessoas que prestigiaram as atrações programadas pela FICC”, resumiu.

O prefeito reforça sua determinação de transformar Itabuna numa cidade  acolhedora, mas também pujante social, econômica e culturalmente. “Vamos continuar a avançar, pois estamos trabalhando para isso”, assegurou.

Veja o que espera por você no réveillon do Jardim Atlântico


Como nos anos anteriores, o Jardim Atlântico, um dos mais conceituados resorts da Bahia, se vestiu de cores alegres; também de boas perspectivas e muita fé. Assim, está o cenário ali montado para a espera de 2023.

O último lote está á venda por R$ 750,00 (pode parcelar). A seguir, veja o charme do convite do hotel dirigido ao principal componente da festa: o público.

Contagem regressiva para o réveillon mais esperado de Ilhéus.????????

Vem viver experiências inesquecíveis em um verdadeiro paraíso tropical a beira mar com uma temática de evento muito alegre e associada à nossa tão famosa cultura dos coronéis das fazendas de cacau. Quem perder vai se arrepender!

???? Shows ao vivo
???????? Apresentação cultural na praia
???? All Inclusive
???? Open Bar Premium com cerveja Heineken
???????? Espaço Kids
???? Muito conforto
???? Estacionamento privativo
???? Ingressos limitados

• Crianças: até 5 (cinco) anos é cortesia e de 6 a 12 anos pagam e metade.

• Formas de pagamento: até 3 vezes nos cartões de crédito ou depósito na conta corrente

???? Informações: (73) 3632-4711

Mutirão do Diabetes de Itabuna começa nesta quinta-feira com serviços médicos gratuitos


Nesta quinta e sexta-feira, dias 17 e 18 de novembro, acontece o Mutirão do Diabetes de Itabuna, que chega à sua 18º. edição em 2022 e será realizado das 8 às 13 horas, na Terceira Via Hall, na Avenida JS Pinheiro, oferecendo serviços médicos gratuitos à população. Promovido pela ONG Unidos pelo Diabetes, o Mutirão, coordenado pelo Dr. Rafael Andrade, contará com as presenças do Dr. Levimar Araújo, Presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes, e do Dr. Cristiano Caixeta; Presidente do Conselho Brasileiro de Oftalmologia, além de especialistas da Bahia e de outros estados, que atuam como voluntários no projeto, cujo modelo é replicado em cerca de 40 cidades brasileiras.

“Nossa expectativa é de que mais uma vez o Mutirão do Diabetes reafirme Itabuna como referência nacional e mundial na prevenção da doença”, afirma o Dr. Rafael Andrade, que destaca a adoção de novas tecnologias como Retinografia Digital com uso de algoritmo de Inteligência Artificial e a emissão de laudos utilizando a tecnologia da Telemedicina, garantindo maior precisão e rapidez nos diagnósticos.

Durante o Mutirão, serão realizados exames do pé diabético e do fundo de olho.

Os casos diagnosticados com retinopatia diabética acentuada, ou pé diabético com sinais de gravidade, serão encaminhados para uma segunda etapa no Hospital Beira Rio, onde passarão por exames laboratoriais e tratamento.

Além do atendimento médico, nos dias 17 e 18, também na Terceira Via Hall será realizada a Feira do Diabetes que também acontecerá para levar informações e serviços para toda a população, como a campanha de detecção do diabetes através dos exames de glicemia, pressão arterial e muitos stands com profissionais para orientar o público.

Todas essas ações estão integradas à Secretaria Municipal de Saúde, através das equipes que atuam nas Unidades Básicas de Saúde-UBS.

O Mutirão do Diabetes 2022 é uma realização da ONG Unidos Pelo Diabetes com o apoio do Hospital Beira Rio, Caixa Econômica Federal e Novonordisk.

Conheça a programação do “Setembro Amarelo” em Itabuna


Desde quinta-feira, dia 1º,  e até o final do mês, está sendo desenvolvida a campanha Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio. Por isso, a coordenação de Saúde Mental do Departamento de Média e Alta Complexidade da Secretaria Municipal de Saúde está divulgando as atividades que serão executadas em Itabuna.
Um ciclo de quatro palestras será realizado nos dias 16, 19, 22 e 30,  com o objetivo de capacitar os profissionais de saúde da Atenção Primária sobre a importância do acolhimento aos pacientes e da assistência em saúde mental na porta de entrada dos serviços de saúde.
Além disso, haverá rodas de conversa sobre assistência em saúde mental e fluxos de atendimento em Unidades de Saúde da Família do Módulo II, em parceria com a UniFTC.
E ainda, veiculação  nas redes sociais e na mídia de material informativo sobre assistência à saúde mental no município, fluxo para atendimento, quais unidades procurar para atendimento, orientações de acolhimento por parte da rede de apoio.
AMBIENTE DIGITAL
Por meio do quadro “Saúde Responde” do Instagram da Secretaria Municipal de Saúde, profissionais médicos psiquiatras e psicólogos serão convidados às sextas-feiras. Eles abordarão a temática do Setembro Amarelo e responderão às principais dúvidas da população sobre o tema e sobre as respectivas especialidades no município.
Atualmente,  a Prefeitura de Itabuna tem oferta em quatro unidades especializadas na assistência a pessoas com transtornos mentais. Em casos graves e persistentes, sintomas relacionados a perda de contato com a realidade, delírios, alucinações, isolamento social, alternância entre euforia e irritabilidade, ideação suicida ou outros, a orientação é que o paciente procure diretamente um CAPS específico, preferencialmente com familiar ou responsável.
Para os atendimentos a criança ou adolescente, a referência é CAPS Infantil, para adultos a partir de 18 anos, o CAPS II, em caso de sofrimento por uso abusivo ou dependência de álcool e/outras drogas, o CAPS  Álcool e Drogas, e em caso de sinais e sintomas persistentes, com impacto relativo na funcionalidade do indivíduo, procurar o Ambulatório Psicossocial, com encaminhamento da Unidade Básica de Saúde.
Vale lembrar que para situações de urgência e emergência, como em casos de surto psicótico em que a pessoa oferece risco a outros ou a si mesmo, a orientação é acionar o SAMU-192 que conduzirá o paciente à unidade hospitalar onde será avaliada sua internação em leito psiquiátrico e posterior direcionamento à uma unidade CAPS.
REFERÊNCIAS
O CAPS Infantil funciona na Rua J,  nº 247, Jardim Vitória. O CAPS Álcool e Drogas, na rua E, nº 111, Banco Raso. O CAPS II, na Rua G, nº 100, Jardim Alamar, enquanto o Ambulatório Psicossocial na Avenida Félix Mendonça,

Inscrições até quarta para oficina criativa em Itabuna


Começa na próxima sexta-feira (15), no Espaço Colaborativo de Arte (Ecoar), a Oficina Intensiva de Escrita Criativa. A capacitação, conduzida pela escritora Polly Moraes, terá dois encontros de duas horas, com rodas de conversa, momentos práticos e  busca de caminhos individuais para confecção de produtos literários.

No último dia do ciclo, acontecerá a Mostra em Exposição aberta ao público. Nesse  momento, os alunos poderão apresentar seus projetos e explicar a trajetória que os trouxe até a finalização do produto. Todas as etapas até o domingo (17).

Os organizadores explicam que a proposta é para quem quer “impulsionar a sua vida de forma lúdica, lidar com sua individualidade, se reconhecer pertencente a um mundo cheio de possibilidades”.

O investimento, para os três dias de curso, é de R$ 50,00. Algumas vagas foram disponibilizadas como doação para o Grupo Encantarde, projeto Alô Comunidade e Colégio Modelo. Aos interessados, o link para inscrições: https://forms.gle/iGrWdVQ63a7ytKZs6.

A oficina tem o apoio da Guilda Cacilda Composições Artísticas, Movimento Popular (R)existir e Espaço Colaborativo de Arte – Ecoar. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones/WhatsApp (71) 9 9258-6332 (Polly Moraes) ou (73) 9 8810-2561(Hans Muller).

Quem conduz

Formada em Comunicação  Social com Habilitação em Jornalismo pela Universidade Jorge Amado (Unijorge), em Salvador, tornou-se escritora em 2021 com a  publicação do romance fictício Multicor, atualmente disponível em formato e-book na Amazon. Pollyana é pós-graduanda em marketing digital e visa o mestrado na Universidade Estadual Santa Cruz, em Linguagens e Representações em 2023.

Precisamos falar sobre ansiedade


*Cristina Navalon

Um estudo publicado pela Associação Médica Americana constatou que cerca de 20% dos jovens possuem algum tipo de ansiedade. O número de afetados duplicou nos últimos anos, em meio ao isolamento social. No Brasil, uma escola em Recife se deparou com um caso grave: um surto de ansiedade coletiva que deixou pelo menos 20 crianças e adolescentes com sintomas como tremedeira e falta de ar.

O problema está presente na nossa sociedade ainda de forma silenciada. A infância é a época da nossa formação psíquica e o acompanhamento destes casos se faz necessário. As razões para o aumento da ansiedade variam desde a falta de interação pessoal até o uso excessivo das redes sociais, que fomentam uma falsa ideia de perfeição, aumentando a pressão sobre os jovens.

Os danos podem ser eternos e a escola, assim como a família, tem um papel fundamental para o desenvolvimento da criança. A figura da mãe suficientemente boa, que escuta e acolhe, pode aparecer no próprio professor, responsável não apenas pela educação do menor, mas na sua construção social. O trabalho do educador deve ser de cuidado, atuando de forma prévia a perceber as aflições da sala de aula.

Os gatilhos, ferramentas que desencadeiam as crises de ansiedade, estão presentes em pequenas coisas: uma palavra, um gesto, uma brincadeira. É preciso ficar atento a esses detalhes. Uma única criança em crise pode gerar um pânico generalizado, culminando em um surto coletivo.

A diferença pode ser feita por meio de ações diárias que fortaleçam as habilidades sociais dos jovens e melhorem sua autoestima. O diálogo é a melhor alternativa para superarmos este caos instaurado. E a escola, em seu papel de criação e educação, pode ser a ferramenta que carecemos. Acima de tudo, precisamos falar sobre ansiedade.

*Cristina Navalon é psicóloga com formação pela Universidade Metodista de São Paulo e especialização em Psicanálise do Adolescente, Psicossomática e Doenças Mentais.

Cacau Valley iFestival abriu as portas da inovação e tecnologia no sul da Bahia


O Cacau Valley iFestival maior evento de inovação, tecnologia e capacitação empresarial do Sul da Bahia iniciou, oficialmente, as atividades na quarta-feira (25), no auditório do Hotel Praia do Sol. No início da noite foi realizada uma cerimônia para marcar a abertura do evento promovido pelo Sebrae em parceria com a prefeitura, SENAI/CIMATEC e CDL. O Cacau Valley iFestival integra a programação da Semana de Inovação de Ilhéus. Após a cerimônia de abertura foi realizada a palestra do futurista e Head de inovação, de Luiz Candreva.

O evento reuniu empreendedores das diversas cadeias produtivas da região sul e segue até sexta-feira (27), uma programação exclusiva com painéis, oficinas, palestras e dinâmicas nos espaços que irão abordar conteúdos relacionados à transformação digital, branding, inovação na indústria de alimentos, futuro do setor automotivo, tendência da moda, perpassando pela transversalidade da inovação.

Durante a abertura, a gerente regional do Sebrae em Ilhéus, Claudiana Figueiredo apresentou detalhes do evento e ainda incentivou a participação nas diversas atividades ofertadas. “Essa é uma oportunidade que temos de mergulhar em uma experimentação de conteúdos focados em produtividade, digitalização, conectividade, metaverso, desenvolvimento de novos produtos, branding, storytelling, cultura maker e muito mais para ampliar, gerar novos negócios e alavancar a região”, disse.

“O futuro dos negócios e os negócios do futuro”, foi o tema da primeira palestra do evento já apresentada em cinco países. “O futuro é de quem sabe navegar no caos e fica confortável nele. É preciso explorar as facetas da inovação no passado e presente, fazendo um paralelo entre as mudanças e vivenciando oportunidades. É o momento de quebra absoluta de paradigmas”, destacou o palestrante Luiz Candreva.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação de Ilhéus, Ederjunior Santos, destacou a importância do evento. “A gestão municipal entende que através da inovação a gente consegue agregar empresas e atrair parceiros para ampliar o desenvolvimento da cidade e da geração do emprego e renda. Este é um trabalho conjunto para trazer novas oportunidades e tornar os negócios mais competitivos”, afirmou.

Já o secretário de Indústria, Comércio, Emprego e Renda de Itabuna, José Raimundo Santos, destacou o evento como um marco para o desenvolvimento empresarial. “O evento promove o desenvolvimento, apresenta as disrupturas das ações, mostra novas perspectivas, com a tecnologia agregada ao comércio, à indústria, ao desenvolvimento, na geração da renda, no desenvolvimento do capital humano, portanto é imensurável os benefícios futuros”.

O empreendedor ilheense, Paulo Sérgio Santos, proprietário da Ceo Modas, falou da importância do temática para agregação de conhecimento e desenvolvimento prático. “Somos parceiros do Sebrae há 30 anos quando iniciei minha atividade empresarial e é importante estarmos sempre atualizados e em busca de inovação, e essa é a expertise do Sebrae nos despertar para evolução, através de capacitações e esse evento é mais uma oportunidade para colocarmos em prática os conhecimentos adquiridos”, pontuou.

O mesmo sentimento de necessidade de expandir conhecimento foi compartilhado pelo empreendedor de Itabuna, Renê Joaquim, proprietário de pet shop. “Precisamos sempre buscar e trazer melhores experiências para a empresa, para os funcionários, para o dia a dia, e aumentar as vendas, por isso, o Sebrae está de parabéns por promover um encontro tão oportuno como este”, celebrou.

Um dos principais ativistas do Movimento Maker no Brasil, Edgar Andrade, é o primeiro palestrante da quinta-feira (26), segundo dia do evento, e irá ensinar como a Cultura maker e a inovação podem ajudar a perder o medo de errar. “É importante encarar o desafio de tentar fazer algo diferente, todos os dias e sem medo. Vamos aprender na prática a usar as principais ferramentas para colocar seus projetos no mundo.”

Ele ainda orientou sobre a os três pilares que serão abordados para auxiliar o empresário nessa tomada de decisões. “O Mapa dos Desejos, para quem não tem ideia do que fazer, ou o Ciclo da Invenção, para quem já identificou um possível problema ou oportunidade, e o Mapa de Contatos, para ajudar a organizar a estratégia de prospecção também serão apresentados durante a palestra”, informou.

O Cacau Valley iFestival conta com mais de 40 atividades de capacitação, com público médio diário de 1.500 participantes de diversos segmentos empresariais. São mais de 1.900 vagas de capacitação, divididas em seis espaços: Arena Maker, Arena Inovar, Lounge Mobiliza, Espaço Insighs, Espaço Lab e Espaço Trend que podem ser escolhidos pelo participante ao acessar o local. A programação completa pode ser conferida no link: https://bit.ly/CacauValley.